O Internacional derrotou neste sábado o Lajeadense por 8 a 0 no CT Parque Gigante no jogo-treino em preparação para a estreia do Campeonato Gaúcho no dia 18, quinta, contra o Veranópolis, às 21h, no Beira-Rio. O técnico Odair Hellmann trabalhou com com diferentes formações em quatro tempos de 30 minutos. Assim os tentos foram marcados por Damião, Cuesta, Roger (3), Patrick, Cláudio Winck e Marcinho.

Foto: Ricardo Duarte/Inter

Nos dois primeiros períodos, foram a campo Danilo Fernandes, Dudu, Klaus, Cuesta, Uendel, Rodrigo Dourado, Edenílson, D´Alessandro, Camilo, Pottker e Leandro Damião. O time impôs uma marcação forte e alta em grande parte do tempo, uma das marcas que o técnico Odair Hellmann pretende para o time. A equipe foi ao apoio principalmente com os cruzamentos de Uendel pela esquerda para os atacantes Pottker e Damião. Em um deles, Damião acertou uma cabeçada no poste. Edenílson foi outro que apareceu com qualidade, como um elemento-surpresa. Camilo e D´Alessandro procuraram tocar bastante a bola em busca de espaços.

Gols no segundo período
Os gols surgiram no segundo período. O primeiro gol em um escanteio cobrado por Camilo para Damião cabecear com precisão. Detalhe que o escanteio surgiu justamente depois de uma marcação pressão feita por Camilo e D´Alessandro na saída de bola do adversário. O segundo gol foi originado em uma roubada de bola de Cuesta, no campo de defesa. O zagueiro avançou em velocidade e tocou para D´Alessandro, no meio-campo. O meia em um toque rápido devolveu para Cuesta avançar livre. Diante do goleiro, o defensor chutou com categoria para fazer o 2 a 0.

Mudanças e mais gols no terceiro período
No terceiro período, o Inter foi a campo com Marcelo Lomba, Cláudio Winck, Thales, Danilo Silva, Iago, Charles, Patrick, Gabriel Dias, Marcinho, Nico López e Roger. O terceiro gol saiu em uma jogada de Gabriel Dias, pela direita, que cruzou na medida para Roger marcar de cabeça, bem ao seu estilo de centroavante. Já no quarto gol, Iago apareceu bem e cruzou rasteiro para Roger completar de primeira para fazer 4 a 0. E Roger mostrou também que dá assistências. No quinto gol, deu belo passe para Patrick, que ingressou na área, deu um drible de corpo no goleiro, que ficou sentado, e completou para o gol vazio: 5 a 0. O sexto gol foi de Cláudio Winck, em uma bela cobrança de falta, na entrada da área.

Quarto período com mais modificações e gols
Para o quarto período, entraram Juan, Ronald, Fernandinho, Paulão e Ruan. Saíram Marcinho, Nico, Charles, Danilo Silva e Winck. O sétimo gol começou com o meia Juan dar bom passe para Roger, na área. O atacante matou a bola e colocou sem chances para o goleiro. Na sequência, Roger, o goleador da tarde, deixou o campo para o retorno de Marcinho, enquanto Cláudio Winck ingressou na vaga de Patrick, sendo testado em uma função no meio-campo. No finalzinho, Iago cruzou para Marcinho completar a goleada: 8 a 0.

Ausentes
Não participaram da atividade Fabinho (em recuperação de pancada), Wellington Silva (ficou trabalhando fisicamente) e Ernando (em recuperação física depois da cirurgia de hérnia).

César Esteves e site do Internacional