Com reservas e um a menos, Grêmio sai atrás e busca empate

O Grêmio empatou nesta quinta com o Guarani do Paraguai por 1 a 1 no Estádio Defensores Del Chaco pela terceira rodada do Grupo 8 da Libertadores da América de 2017. Priorizando o jogo de volta diante do Novo Hamburgo pela semifinal do Gauchão, o técnico Renato Portaluppi usou um time de reservas com apenas dois titulares. Na etapa inicial a equipe gremista perdeu ótimas oportunidades, porém o Guarani levou perigo a meta de Marcelo Grohe. Os destaques ficaram por conta da atuação do arqueiro do Grêmio e do volante Arthur.

Com o resultado, o Grêmio manteve a liderança da chave com sete pontos com o mesmo número de pontos do Guarani-PAR, mas o clube gaúcho leva vantagem no saldo de gols. No dia 27, quinta-feira, Grêmio e Guarani do Paraguai voltam a se enfrentar, às 21h45min, na Arena. Agora o Tricolor Gaúcho dá uma pausa na competição intercontinental e volta as suas atenções para o Gauchão onde enfrenta no domingo o Novo Hamburgo, às 19h, no Estádio do Vale, pela segunda partida da semifinal da competição.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Jogo

Primeiro Tempo:

Com 01 minuto, após cruzamento da direita, a defesa do Grêmio afastou mal. A bola rebateu e sobrou para Novick, que, dentro da área, emendou de voleio, para fora. Aos 03, Lincoln cobrou o escanteio na cabeça de Barrios. O gringo subiu sozinho e, um tanto desajeitado, desviou de cabeça. Aguilar se atrapalhou ao espalmar e mandou para escanteio.Aos 05, Fernandinho dominou na entrada da área e tentou o chute. A bola bateu no braço de Rolón, dentro da área, e sobrou para Barrios. O gringo saiu na cara do gol, mas chutou sobre Aguilar ao buscar o canto direito. O árbitro deixou de apitar penalidade em favor do Grêmio. Aos 17, Arthur dominou pelo meio e acionou Fernandinho. O atacante aplicou uma caneta no rival, avançou em direção a área, limpou a marcação e tentou o chute. A bola vai direto nas mãos do goleiro rival.Aos 18, A bola é alçada na área do Grêmio. Thyere afastou de cabeça e tropeçou em Novick, que caiu dentro da área. O árbitro dá apenas tiro de meta. Os jogadores do Guaraní reclamam pênalti. Mais um erro de Vilmar Rodan que deixou de apitar penalidade em favor dos paraguaios.

Mesmo com reservas o Grêmio vai conseguindo se impor no campo e perdeu boas oportunidades de abrir o marcador. Aos 25, Edílson faz a combinação com Fernandinho, vai à linha de fundo e cruzou. A zaga do Guaraní afasta, mas a bola volta para Fernandinho, que cruzou para Lincoln. Da esquerda, o meia aparou de primeira, de sem-pulo, mas mandou na rede pelo lado de fora. Aos 26, García saiu na cara de Marcelo Grohe e tentou o chute. A bola passou sob o goleiro e se encaminhou para o gol, mas Cortez afastou o perigo. Aos 29, Sem espaço, Aguilar arriscou de longe. O volante mandou uma bomba, mas Marcelo Grohe voou e espalmou. O time paraguaio quando chega a frente leva perigo e fez o goleiro Marcelo Grohe trabalhar. Aos 36, após cruzamento da direita,  a bola passou pela defesa do Grêmio e chegou a Novick, que ajeitou para Camacho. O meia completou para o gol, mas a arbitragem de forma equivocada apitou impedimento. Aos 39, Cortez recebeu pela esquerda e ganhou da marcação para ir à linha de fundo e fazer o cruzamento. O lateral mandou na medida para Barrios, que completou de primeira, mas mandou alto, para fora.

A etapa inicial foi de lances de perigos de ambos os times que deixaram de abrir o marcador. Mas a arbitragem influenciou no resultado ao deixar de apitar duas penalidades uma em favor de cada time. Além de um impedimento mal assinalado em favor do time paraguaio.

Segundo Tempo:

As duas equipes voltam sem alterações para a etapa final.

Com 05 minutos, Báez avançou contra Edílson e cruzou. A bola triscou no lateral gremista e caiu com muito perigo, a ponto de tocar o travessão antes de sair para escanteio. Aos 11, mudança no Guarani-PAR. Saiu Luis De La Cruz para a entrada de Rodrigo Bogarin. Aos 16, o volante Michel deixou o braço no adversário e como já tinha amarelo foi mais cedo para o chuveiro. Aos 21, mudança no Grêmio. Saiu Lincoln para a entrada de Pedro Rocha. Aos 24, mudança no Guarani-PAR. Saiu Novick para a entrada de Rodrigo López.

O jogo caiu de rendimento por parte de ambos os times. Aos 26, Edílson cruzou na cabeça de Barrios, que desviou sem perigo. Aos 27, Palau é acionado nas costas de Edílson, pela direita dentro da área. O meia cruzou na medida para López, que apareceu na pequena área, livre, e apenas tem o trabalho de completar de cabeça para as redes. Agora Guarani-PAR -1 Grêmio-0. Aos 28, após bola erguida na área, Aguilar saiu mal do gol. A bola sobrou para o Grêmio. Fernandinho cruzou, e Barrios perdeu de cabeça. Aos 29, mudança no Grêmio. Saiu Barrios para a entrada de Everton. Aos 34, Arthur dominou pela direita e cruzou no segundo poste. Na medida para Pedro Rocha, que aparou de primeira, de sem-pulo, e mandou no contrapé de Aguilar. Agora Guarani-PAR-1 Grêmio-1. Aos 35, após cobrança de escanteio, a bola sobrou livre para Palau no segundo poste. O meia chutou, e Grohe faz um milagre. No rebote, Rolón isolou. Aos 37, mudança no Grêmio. Saiu Fernandinho para a entrada de Kaio. Aos 39, Pedro Rocha recebeu dentro da área, faz o giro e tirou o marcador da jogada para ficar na cara do gol. O camisa 9 enquadrou o corpo, mas chutou com a parte externa do pé e mandou na trave. Na sequência, Kaio brigou pelo rebote, mas cedeu o tiro de meta ao time paraguaio. Aos 42, Rolón é acionado na direita, dentro da área, e desviou para o meio de cabeça. A bola chegou a López, que tocou para o gol. Grohe caiu e faz a defesa.

Ficou aberta a partida nessa reta final quando os dois times perdendo boas oportunidades de fazer mais gols. Aos 44, mudança no Guarani-PAR. Saiu Néstor Camacho para a entrada de Marín.

Na etapa complementar a partida decaiu muito, porém na reta final com o gol do time paraguaio, o Tricolor Gaúcho foi para cima com um a menos e conseguiu fazer o gol de empate.

 

 

Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *