O Grêmio venceu nesta terça o Monagas por 2 a 1 no Estádio Monumental de Maturín pela quinta rodada do Grupo 1 da Libertadores da América. Usando apenas cinco titulares numa partida que ganhou tom de dramaticidade no final fez o Tricolor Gaúcho atingir o seu objetivo e se manter na liderança da chave. A equipe gremista estava como o jogo na mão e por muito pouco não estragou tudo. Porém numa penalidade clara em favor dos gaúchos foi possível sair do sufoco. Os gols foram marcados por Ramiro e Jaílson, enquanto Kannemann fez contra.

Com o resultado, o Grêmio está na frente com 11 pontos. Por outro o lado o Cerro Porteño chegou aos 10 pontos após derrotar o Defensor. Agora o Mosqueteiro depende apenas do seu resultado para terminar em primeiro na sua chave.

Na última rodada do Grupo 1 da Libertadores o Grêmio recebe no dia 23, quarta, o Defensor, às 19h15min, na Arena. No mesmo dia e horário o Cerro Porteño pega o Monagas no La Olla Azulgrana. Pelo Brasileirão o Tricolor Gaúcho visita no domingo o Paraná,às 16h, no Durival de Britto.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Jogo

Primeiro Tempo:

Logo aos 06 o Grêmio perdeu uma grande oportunidade de abrir o placar quando Ramiro lançou Madson, que cruzou da linha de fundo. Alisson, quase na pequena área, pegou muito mal na bola e dá um balão na primeira chance do jogo. Aos 10, o técnico Renato Portaluppi acabou sendo obrigado a fazer uma mudança porque Alisson sentiu o posterior da coxa esquerda e no seu lugar entrou Maicosuel.

Além disso o Tricolor Gaúcho tem uma dificuldade adicional o péssimo estado do gramado de Maturin que dificultou o toque de bola gremista. Num contra-ataque aos 25, Maicosuel puxou contra-ataque rápido pela direita e acionou Thonny Anderson na área. O atacante bateu rasteiro, mas para fora. Aos 32, Cícero bateu colocado, sobre a barreira, e a bola vai na trave de Baroja. No rebote, Maicosuel chutou para fora, muito mal.

Enquanto isso o time venezuelano jogou bem fechado e especulou os contra-ataques. Tanto que aos 44, Romero dominou dentro da área após bate-rebate, dá corte seco em Kannemann e finalizou. O goleiro voou para espalmar para escanteio. A equipe gremista mesmo usando reservas conseguiu se impor diante do limitado Monagas.

Na etapa inicial o Grêmio desperdiçou três ótimas oportunidades de estar na frente do placar. Já o Monagas ficou todo fechado e raramente chegou assustando a defesa gremista.

Segundo Tempo:

As duas equipes voltam sem alterações na etapa final.

Como no primeiro tempo os reservas gremistas vieram decididos a decidir logo o jogo. Aos 05, mudança no Monagas. Saiu Chacón para a entrada de Dager Palacios. Aos 12, Ramiro colocou na cabeça de Cícero, que desviou de cabeça. Baroja caiu para fazer a defesa. Aos 15, Cícero recebeu na entrada da área, levantou e girou em um voleio. Mas a bola saiu fraca, sem grande dificuldade para Baroja. Aos 19, Cícero arriscou de longe, da meia esquerda, e quase marcou um golaço. Baroja voou para colocar para escanteio.

Uma sequência de três chances que o Grêmio criou e ficou claro que o gol era apenas uma questão de tempo. Aos 20, mudança no Grêmio. Saiu Madson para a entrada de Lima. Aos 21, mudança no Monagas. Saiu Christian Flores para a entrada de Reyes. Aos 22, Ramiro enfiou grande bola para Maicosuel dentro da área. Mas o atacante finalizou mal, sem perigo para Baroja. Aos 23, Como lateral, avançou pela meia direita e arriscou de longe. A bola saiu fraquinha, despretensiosa, mas entrou no cantinho de Baroja, que aceitou. Agora Monagas-0 Grêmio-1. Aos 30, mudança no Grêmio. Saiu Thonny Anderson para a entrada de Thaciano.

Depois de abrir o placar o Grêmio recuou as suas linhas e ficou na espera de que o Monagas sai mais do sistema defensivo. Em uma rara chegada dos venezuelanos aos 35, Reyes avançou pela esquerda e cruzou quase na pequena área. Cádiz desviou, mas Marcelo Grohe se jogou e evitou o gol do Monagas. Aos 46, Luís González passou por Ramiro pela esquerda e cruzou rasteiro. O argentino desviou para trás e faz o gol de empate. Agora Monagas-1 Grêmio-1. Aos 47, Cortez ganhou pelo alto e põe na área. Cícero dominou no peito e é atropelado pelas costas por Trejo. Uma penalidade claríssima apitada em favor do Triciolor Gaúcho. Aos 51, Jaílson cobrou no lado direito e deslocou Baroja. Agora Monagas-1 Grêmio-2.

Na etapa complementar o Grêmio parecia que iria decidir com facilidade a partida, mas depois de fazer o primeiro gol se acomodou e nos acréscimos levou o tento de empate. A equipe gremista no último lance conseguiu o triunfo na Venezuela.